A falta que ela faz…

Alguns me perguntaram porque ainda não falei sobre o Outubro Rosa. 

Bem… muita gente já escreveu excelentes artigos sobre o assunto. Por que eu precisaria escrever também?  Realmente algo que deve ser reforçado em vários blogs, sites, empresas.

Muitos se questionam por quê esta doença está por toda parte. Outros, como eu, simplesmente a odeiam e ponto final.

Bem…como este é um blog materno. Devo dizer: faz uma falta tremenda ter uma mãe por perto! Ano que vêm fará 10 anos que minha mãe perdeu uma batalha de mais de 8 anos contra esta doença traiçoeira.  Minha sogra também perdeu anos mais tarde. Ambas começaram com o de mama que se espalhou por outras partes do corpo.

Não há um dia que não pense nela. Um dia que não imagine como seria minha vida se ela estivesse aqui. Como dói minha filha não conhecer a palavra vovó. Também não encontro maneira de falar sobre isso sem me emocionar.

Então… acabo por não querer me aprofundar nesta história. Porque a história dela aqui na Terra acabou e ela foi para uma melhor. Seria muito triste para minha mãe me ver deprimida por sua causa, então, procuro seguir em frente. Porque é isso que mamãe está fazendo neste exato momento e devo ficar feliz por ela (sim, é nisso que eu acredito).

Em vez de me remoer porque ela nunca conheceu a neta, procuro pensar que sim…ela a conheceu (como espírito, talvez?) e deixar as coisas como estão. Eu também não conheci uma avó e meus dois avôs. A única que conheci, vózinha materna, faleceu quando eu tinha 12 anos.

Eu via.

Via em minha mãe os sentimentos que sinto hoje. Ela também nunca esqueceu. O vazio nunca foi embora. Mas ela seguiu em frente.

Então, papais e mamães… o que vocês acham que isto significa? Sim, devemos ser esta pessoa marcante para nossos filhos. Fazer o nosso melhor. Porque hoje eu sou aquilo que meus pais me fizeram. A presença deles foi importantíssima para minha história assim como a minha e do pai da bebeca será para ela.

O caminho é longo, árduo e a responsabilidade é enorme. Nós somos aquilo que nossos filhos serão no futuro. O futuro que queremos não só para eles como para este mundo. O que devemos fazer? Ensinar o bem, dar o exemplo, o nosso melhor.

Eles irão para o mundo. Podemos não ser mais necessários em seu dia a dia mas estaremos sempre em suas mentes e corações. Essa é toda a diferença que o tal mundo precisa.

Um beijo grande.

Outubro Rosa visa chamar atenção para a realidade atual do câncer de mama e a importância do diagnóstico precoce. Mais informações aqui.

Anúncios

7 respostas em “A falta que ela faz…

  1. Pingback: Dia das Mães – Meu presente vai ser doar. | Mamãe Cansada

  2. Leticia com certeza sua mãe nunca deixou de estar com vcs, e sim ela conhece a bebeca e um dia vocês vão se encontrar, e você saberá que ela nunca saiu do lado de vcs, que ela é o anjo da guarda de vocês……. Força minha linda…. Sua mãe tem orgulho do trabalho que você faz com a Lalá

  3. Nossa Leticia fiquei emocionada. Nao consigo imaginar sem minha mae aqui, ela sempre me ajuda em tudo que preciso, graças a Deus ela eh saudável, mas nunca sabemos o dia de amanhã.

  4. Nossa Letícia… Triste ficar sem nossa mãe… Você me abriu os olhos, minha mãe é saudável! Minha sogra sim trava uma luta contra o câncer a quase 4 anos! Prometo ter mais paciência com os mimos que meu marido faz para com ela… Obrigado! Bjs bjs Dany

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s